Flexibilidade, a maneira mais sábia de fazer a diferença no mundo

De acordo com o Aurélio, “flexibilidade é algo que se pode dobrar ou curvar, elástico, fácil de manejar”. Estamos num período da história humana em que a flexibilidade é condição de sobrevivência. O vento das mudanças que sopra de todos os lados e invade nossa comodidade e conforto, nos convida a estar sempre disposto a abrir mão de ideias velhas e acolher as novas. Muitas verdades do passado, perderam sua essência, valores tidos como imutáveis, são questionados e até banalizados, esse dinamismo louco do novo milênio, com certeza vem incomodando muita gente. Resistir ao novo é negar a própria sobrevivência.

Se você não quer ter o resultado que sempre obteve, por que continua a fazer o que sempre fez? “A mudança é a única coisa que oferece novas oportunidades”.

Neste mundo de rápidas transformações, vai se preservar, sobreviver, dominar o sistema, ter mais poder, quem tiver maior número de escolhas, maior repertório de condutas. Para exercitar a flexibilidade, não precisamos anular nenhum comportamento nosso, simplesmente podemos guardá-lo para a ocasião adequada. Perceba a grande diferença que isto faz internamente! A mensagem enviada a seu cérebro é que tudo em você é bom – e é mesmo. Agora, seja flexível o suficiente para descobrir… Exercitar a flexibilidade é a arte de conseguir que alguém ou alguma organização expanda suas percepções de mundo, enxergando outros pontos de vista, de tal maneira que os problemas deixem de ser insolúveis. Diante de uma decisão, quanto mais escolhas você se permitir enxergar, mais chance terá de acertar.

Quando nos comunicamos com alguém e não obtemos o resultado desejado, tendemos a achar que a outra pessoa está sendo RESISTENTE. Na realidade, nós é que estamos sendo INFLEXÍVEIS. Quando deixamos o nosso comodismo e agimos de uma maneira nova, fazendo algo novo, aí é que nós somos FLEXÍVEIS.

Sugestões para exercitar sua flexibilidade:

1 – Mude seus hábitos diários.
2 – Elogie mais as pessoas à sua volta.
3 – Por um dia, deixe todas as pessoas em estado melhor que você as encontrou.
4 – Faça algo que você nunca fez antes, escreva poesias, aprenda uma técnica corporal, pratique um esporte diferente.
5 – Descubra outro trajeto para ir para seu trabalho.
6 – Tente ver só as qualidades de seus colegas de trabalho, ou de sua família e, o potencial que elas têm para melhorar ainda mais seu desempenho profissional e pessoal.
7 – Experimente ficar pelo menos um dia por semana só ouvindo as pessoas e, falando apenas o necessário.

Muita gente confunde firmeza com rigidez e flexibilidade com fraqueza.

O peso da neve é capaz de quebrar os galhos mais duros e rígidos das árvores, mas não consegue o mesmo com os galhos firmes e flexíveis, estes se inclinam até derrubar a neve, voltando em seguida, ao lugar.

por José Osvaldo Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *